Congresso mundial dos ucranianos vai continuar a luta pelo reconhecimento do holodomor como genocídio do povo ucraniano
01 dezembro 2015 00:10

“Em sinal de memória e do respeito aos falecidos durante o Holodomor, ucranianos no exterior vão continuar a levar ao conhecimento da comunidade mundial essa tragédia” - diz a Declaração do Congresso Mundial dos Ucranianos (CMU) promovida pela ocasião do 82º aniversário do Holodomor - o genocídio dos ucranianos.

"Honrando a memória das vítimas  do Holodomor, a comunidade ucraniana que consta em mais de  20 milhões de pessoas em todo o mundo, e é liderada pelo CMU, que promete continuar com seus esforços permanentes para levantar o conhecimento no mundo sobre o Holodomor ucraniano, inclusive para conseguir o reconhecimento de todos os governos e pela ONU da Fome artificial na Ucrânia como ato de genocídio", - diz a Declaração.

Destaca-se que este ato de genocídio não foi um caso isolado, mas parte de uma seqüência de acontecimentos históricos, que tiveram o objetivo de conquista e opressão total da nação ucraniana. "Esses acontecimentos levaram o povo ucraniano a posição atual, quando ele, unido, fica lutando contra o agressor estrangeiro, que árduamente, embora sem sucesso, tenta sufocar o desejo de um povo livre de poder construir uma vida decente", - apontaram no Congresso.

De acordo com o CMU, com tamanha abundância de materiais de arquivo não é mais possível negar o ato do Holodomor - genocídio.

"Ainda temos de muito que descobrir, e cabe saber se o mundo tira lições do Holodomor. A atual geração será avaliada pelos seus sucessores com capacidade de defender os princípios da democracia, a dignidade de cada pessoa, os direitos humanos básicos e promover a verdade", destacou-se a organização ucraniana.

O CMU também expressou sua gratidão a aqueles que sobreviveram durante o Holodomor por revelarem a verdade sobre o crime e pela divulgação de lembranças dolorosas, que podem ajudar ao mundo a entender a tragédia. "Nós incentivamos também os descendentes de quem sofreram do Holodomor, a continuar a elevar a tocha da verdade" – enfatizou a Declaração.

 “A Ucrânia lembra – o mundo reconhece”, - conclui a Declaração do CMU.

 

Fonte: http://www.ukrinform.ua/rubric-politycs/1921366-sku-prodovjit-borotisya-za-viznannya-golodomoru-genotsidom.html 

Outdated Browser
Для комфортної роботи в Мережі потрібен сучасний браузер. Тут можна знайти останні версії.
Outdated Browser
Цей сайт призначений для комп'ютерів, але
ви можете вільно користуватися ним.
67.15%
людей використовує
цей браузер
Google Chrome
Доступно для
  • Windows
  • Mac OS
  • Linux
9.6%
людей використовує
цей браузер
Mozilla Firefox
Доступно для
  • Windows
  • Mac OS
  • Linux
4.5%
людей використовує
цей браузер
Microsoft Edge
Доступно для
  • Windows
  • Mac OS
3.15%
людей використовує
цей браузер
Доступно для
  • Windows
  • Mac OS
  • Linux